Batata com Cachorro

(Por questões jurídicas informamos que nenhum cachorro foi maltratado durante a produção deste site.)

O pseudo-conhecimento que adquirimos com a internet

E aí desconhecido! Tudo sussa?!

Você me dá o direito de invadir um pouquinho da sua zona de conforto? Te juro que não vai doer! No máximo irá te fazer pensar um pouco. Vamos lá?

Então eis o primeiro questionamento: Você se considera inteligente?

af3d02892d0c56632b157f4515dea4c5118951e3

Calma! Reflita um pouco sobre a pergunta, pense que ela vai bem além de um mero “sim” ou um medíocre “não” , pense sobre sua definição de inteligência e o que ela engloba (tente ignorar a teoria de Howard Gardner). Caso já tenha se decidido vamos a próxima pergunta. Está com preguiça de ler o resto né? Esse é um dos efeitos gerados pela internet, você tem tanta informação que no fim das contas não absorve nada e isso acaba por te deixar menos inteligente, então deixa de preguiça e lê o texto todo seu fdm =P

Você costuma absorver conhecimento diariamente?

Claro que sim, o empirismo é um pé gigante que chuta nossas bundas todos os dias! Mas nesse caso me refiro a conhecimento científico, filosófico, ou seja toda aquela baboseira que te deixa culto e blá blá. Vamos lá pense!

Se sente bem quando vê alguma coisa que te faz sentir mais inteligente?

Você é daquele tipo de pessoa que fica fuçando sites de curiosidades, procurando informações sobre as jaguatiricas com escoliose, bem … não tenho muito a comentar sobre isso.

Aí o amigo leitor deve estar se perguntando: SEU FI*** DA P*** PRA QUE ESSE MONTE DE PERGUNTA? Calm down folk! Eu tentei (juro que tentei) te fazer refletir um pouco sobre o que você considera como casino conhecimento, e o que realmente aprende com isso, mas enfim …

Vemos muita informação nas “interneta” da vida e a princípio isso é ótimo! Você aprende um monte de coisas o tempo todo #SÓQUENÃO! Pare pra pensar o que você aprendeu de novo hoje? Sério, sem zuera! Fale em voz alta o que você aprendeu hoje na internet? É meio difícil de lembrar né? Eu sei, isso acontece porque a maioria das pessoas tem a falsa impressão de aprendizado, o que aconteceu foi que alguns lampejos passaram pelos seus olhos, e como tudo que passa ficou lá atrás.
É meio complicado julgar o quanto as pessoas conseguem retrair com a internet (até mesmo porque cada um tem sua forma de abstrair o conhecimento). Onde quero chegar é que você pensa aprender bem mais do que você realmente aprende e isso é muito ruim!

Os maiores exemplos disso são esses blogs de curiosidade e as tão aclamadas páginas do facebook que também costumam postar imagens com cunho “informativo”, pode soar estranho chamar esses meio de informação de falsos, mas isso é o que acontece com a maioria dos bípedes ao receberem determinado tipo de dado. Eles leem que “golfinhos costumam estuprar pessoas” e simplesmente ficam com esse pedaço microscópico de conhecimento, sem ao menos saber porque isso acontece e nem sequer questionam a veracidade da fonte, e é esse mesmo tipo de gente que critica a TV e falam que esta aliena a tudo (o que por parte está certo), mas não se dão conta de que passam pela mesma situação.

Já vi muita gente dizendo “Já pensou se os gênios tivessem nascido no nosso tempo? Com toda essa informação que a gente tem hoje?”, quando paro pra refletir sobre isso minhas conclusões são meio pessimistas, creio (claro que isso é uma óbvia hipótese achista) que eles seriam caras normais que nem eu e você. Os malucos eram fodas porque na maioria das vezes a única coisa que tinham pra fazer era estudar, agora pensem estudar todos os dias arduamente sobre a mesma coisa?

Reveja seus conceitos rapaz, o que era pra te deixar mais inteligente está causando o efeito reverso

Se você chegou até aqui muito obrigado! Você concorda comigo ou acha que falei besteira?! Deixe um comentário que a gente pode debater um pouco sobre o assunto =P

Até a próxima amiguinho desconhecido =P

1 comment for “O pseudo-conhecimento que adquirimos com a internet

  1. 17/03/2014 at 13:50

    Perfeito!

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *